Buscar

Laudo elétrico: Entenda a NR10 e porque ela é importante para seu negócio

Atualizado: Ago 4

A má conservação das instalações elétricas e a não manutenção dos sistemas elétricos da empresa podem causar acidentes de trabalho gravíssimos. Entre os mais recorrentes estão: queima e perda de equipamento, incêndios e choques que podem ser fatais para os trabalhadores. Portanto, o descaso acaba sendo a principal causa desse tipo de acidente e o que é mais surpreendente é que a maioria deles não acontecem com leigos mas sim com eletricistas profissionais. Ou seja, são profissionais que deveriam não só conhecer os riscos, como também seguir os procedimentos de segurança e uso dos devidos equipamentos de proteção individual previstos na NR10.


Por isso, é fundamental que empresas e profissionais sigam o que determina a legislação brasileira, contribuindo para a conscientização em torno dos perigos da eletricidade. Portanto, cumprir com as práticas preventivas de segurança do trabalho é uma obrigação da empresa e um direito do profissional.


Promoção eletrizante


Para ajudar as empresas a estarem em dia com suas obrigações, a ASONET lançou a promoção eletrizante, que vai emitir o laudo elétrico, após conferir todas as instalações elétricas da empresa, e verificar e corrigir possíveis falhas nos Sistemas de Proteção contra Descargas Atmosféricas (SPDA), popularmente conhecido como pára-raios. Mas, a promoção tem validade até dia 28 de fevereiro de 2020 e, aqueles que já são clientes da empresa, podem usar os pontos VIPs para conseguir descontos e condições especiais de pagamento. Se você é cliente ASONET, e possui pontos dentro do programa de fidelidade, agora é a hora de utilizar. Consulte sua fatura e entre em contato com a equipe comercial. Aqueles que não são clientes também podem, e devem, aproveitar a promoção. Para saber sobre as condições especiais de pagamento e desconto entre em contato com a empresa.

O que é a NR10?

A NR10 – Norma Regulamentadora 10 – é uma diretriz obrigatória que tem como objetivo conduzir e regulamentar todos os serviços que envolvam eletricidade e seus riscos. No entanto, quando esses parâmetros são adotados, eles são eficientes  para garantir a saúde e a segurança de todos os profissionais que estejam envolvidos, direta e indiretamente, nas atividades que incluam eletricidade.

Qual a importância da norma?

A norma cria padrões de segurança para as empresas garantindo as instalações, a proteção dos equipamentos, a segurança dos funcionários e a operação segura da companhia. Por isso, sua aplicação contribui para evitar acidentes que geram afastamento, risco de morte e doenças permanentes. É claro que mesmo seguindo as orientações de segurança, mantendo as instalações em dia e fornecendo equipamentos de proteção individual, infelizmente, o trabalhador ainda pode sofrer acidentes. Mas, o princípio da norma é reduzir as chances de que algo grave aconteça.

As empresas têm o dever de manter o ambiente seguro e cumprir a legislação. Além disso, também é obrigação dos empregadores informar os funcionários sobre os riscos aos quais eles estão expostos e as práticas que precisam ser adotadas para prevenir acidentes. Inclusive, todo colaborador tem o direito de recusa, que consiste em não ser obrigado a desempenhar suas funções, se houver a constatação de riscos graves a sua segurança e saúde.

Ao descumprir a norma, a empresa está exposta a sofrer interdição das atividades. Por exemplo, a interdição corresponde a paralisação total ou parcial do setor afetado e dos equipamentos da empresa. A interrupção dos serviços dá o direito  à empresa de corrigir as situações de risco e implantar as medidas de proteção. Durante esse período os trabalhadores têm o direito de receber o salário normalmente.

Quais são as principais regras que a NR10 estabelece?

Confira os principais aspectos previstos pela norma:

  1. Manter os diagramas elétricos das instalações atualizados e de fácil acesso;

  2. Manutenção periódica dos equipamentos e instalações elétricas. Entre eles: quadros elétricos, subestações, transformadores, etc;

  3. Garantir a segurança dos trabalhadores;

  4. Criar procedimentos específicos para eliminação do pagamento de adicional de periculosidade para eletricistas;

  5. Em instalações acima de 75w, criar prontuário com documentos relevantes, anotações de inspeções e medições, relatórios que comprovem as condições de segurança e demais informações;

  6. Trabalhos de média tensão devem ser executados por trabalhadores habilitados através de treinamento específico. Bem como as instalações elétricas deverão ser verificadas por profissionais técnicos habilitados, devidamente registrados pelo CREA

  7. Fornecer e fiscalizar o uso de EPIs – Equipamentos de Proteção Individual, relacionados aos sistemas elétricos para todos os funcionários envolvidos nesse tipo de atividade.

Devo aproveitar a promoção da ASONET?

Nessa época do ano, com maior incidência de temporais e chuvas frequentes, aumentam os casos de acidentes, graves e não graves, envolvendo descargas elétricas. Esse é um bom momento para atualizar os diagramas elétricos, garantir um laudo elétrico confiável, realizar uma manutenção nos sistemas da empresa e conferir os parâmetros do SPDA. Se você deseja participar da promoção da ASONET é so acessar a página promoção eletrizante: https://materiais.asonet.com.br/promocao-eletrizante e preencher o formulário.


Este artigo foi escrito por Juliana Colognesi

Siga-nos nas redes sociais

  • Facebook Asonet
  • Instagram Asonet
  • Linkedin Asonet

© 2020 Orgulhosamente criado pela Franchising Asonet