Buscar

5 dicas para conservar o EPI por muito mais tempo

Atualizado: Ago 5

Todos sabemos o quão importante são os EPIs para qualquer trabalhador. Para aqueles que não estão familiarizados com o termo, significa Equipamento de Proteção Individual. Ele garante que o trabalhador ficará protegido enquanto executa suas atividades.


Como qualquer outro equipamento, com a conservação e manuseio correto este companheiro de trabalho poderá durar muito mais tempo, garantindo a sua eficácia. Pensando nisso, separamos 5 dicas para conservar o EPI por muito mais tempo e garantir a segurança na sua empresa.

Use-o corretamente


Pode parecer uma dica boba mas é preciso compreender exatamente como utilizar o seu EPI. Isso porque, existem diversos modelos diferentes projetados para determinados tipos de atividade.


Um bom exemplo são as luvas de proteção. Existem aquelas para se utilizar em altas temperaturas, baixas temperaturas, máquinas cortantes, produtos químicos, entre outras. O trabalhador não poderá utilizar a mesma luva para manusear uma maquina e produtos químicos.


Então para conservar o EPI é necessário saber exatamente qual a utilidade dele e cumprir a risca as instruções e advertências de uso. Assim, evitará que o equipamento se desgaste desnecessariamente ou pior, não cumpra com sua principal função que é proteger.

Cuidado ao retirar o equipamento


A forma como se retira o equipamento também compromete sua conservação e resistência. Para evitar danos, siga a seguinte ordem:

  1. Lave as luvas com água e sabão, sem retira-las;

  2. Retire a viseira;

  3. Retire o avental;

  4. Retire a camisa e o boné/capacete;

  5. Retire as botas;

  6. Retire a calça;

  7. Retire as luvas;

  8. Retire a mascara.

Claro, nem todos os trabalhadores utilizarão todos estes EPIs porém, basta adaptar este processo aos EPIs utilizados pela sua empresa.

Não misturar o EPI com outras roupas


Por mais que alguns tipos de EPI sejam vestimentas, eles não devem ser lavados e sim, descontaminados. Normalmente as empresas possuem um processo padrão para lavagem. Porém, caso o EPI precise de uma lavagem antes, deixe o equipamento imerso em água e sabão neutro e, com as mãos (com luvas), você pode movimentá-lo a fim de limpar o equipamento. Mas atenção: sem bater ou esfregar.

Atenção a secagem


Seja seguindo o processo da empresa ou com uma lavagem prévia, o EPI deverá secar na sombra pois o sol poderá danificar o material e causar rachaduras, por exemplo. Além disso, nunca guarde o equipamento se estiver úmido. Isso porque, a umidade pode desencadear a proliferação de bactérias.

Priorize bons materiais


De nada adianta você tomar todos os cuidados para conservar o EPI se o material não acompanhar o seu ritmo de uso. Procure sempre estar atento a vida útil do equipamento e adquirir aqueles que tenham o nível de proteção e resistência de acordo com a tarefa.

Fonte: Falando de Proteção.

0 visualização

Siga-nos nas redes sociais

  • Facebook Asonet
  • Instagram Asonet
  • Linkedin Asonet

© 2020 Orgulhosamente criado pela Franchising Asonet